terça-feira, março 21, 2017

eleições UNIMA Portugal - resultados




Realizou-se ontem, dia 20 de Março de 2017, a Assembleia Geral da UNIMA P, que decorreu na maior harmonia e camaradagem, estando representados cerca de duas dezenas 20 sócios.
Neste dia tão importante para a arte que a todos une, é com grato prazer que comunicamos que foram eleitos os novos corpos dirigentes da UNIMA P para o período de 2017-2021, cuja lista pode consultar em baixo.

A nova direcção da UNIMA P assume desde logo a vontade de dar cumprimento aos objectivos primordiais definidos para a associação, nomeadamente o desenvolvimento actividades de promoção, divulgação, formação, investigação, apoio ou outras formas adequadas à elevação da Arte da Marioneta.

As principais linhas de actuação desta nova direcção serão oportunamente dadas a conhecer a todos os sócios de forma mais desenvolvida.
Propõe-se sobretudo, fomentar o espírito de pertença a uma associação que só faz sentido se os sócios colaborarem na sua actividade e no seu crescimento, pelo que desde já contamos com a colaboração de todos os sócios.

VIVA A MARIONETA!

Corpos dirigentes UNIMA P

Direcção
Presidente: Maria José Machado Santos (sócio nº 147)
Vogal: Marcelo Lafontana, pelo TFA (sócio nº 140)
Vogal: Sofia Vinagre (sócio nº 109)
Vogal: Nuno Correia Pinto (sócio nº 102)
Vogal: Isabel Barros (sócio nº 138)

Assembleia Geral
Presidente da Mesa: Ildeberto Gama (sócio nº 16)
1º Secretário: Maurício Rebocho (sócio nº 33)
2º Secretário: Mª João Trindade, pela Lua Cheia Teatro para Todos (sócio nº 159)

Conselho Fiscal
Presidente: Jorge Alberto Gregório Soares (sócio nº 129)
Secretário: Rui Pedro Sousa (sócio nº 104)
Relator: Carlos Silva, pelas Partículas Elementares (sócio nº 106)

20 anos de S.A.Marionetas em 2017

quinta-feira, março 16, 2017

21 Março 2017 - Dia Mundial da Marioneta de 2017 Mensagem por Nancy Lohman Staub


21 Março 2017 - Dia Mundial da Marioneta de 2017
Mensagem por Nancy Lohman Staub
(tradução livre para Português europeu por Ildeberto Gama)




Em 1929, um pequeno grupo de apaixonados pela Arte da Marioneta com origem em apenas sete países criou a União Internacional da Marioneta (UNIMA) para promover e desenvolver esta forma artística. Aderi à Unima por volta de 1970 para satisfazer o meu fascínio permanente pelas marionetas. Hoje em dia, graças à Internet, nós podemos conectar-nos instantaneamente com milhares de pessoas com idênticas ideias, para além das fronteiras nacionais, políticas ou religiosas, em todo o mundo. Programas gravados, espectáculos, conferências, cursos e ateliers estão disponíveis nas 24 horas do dia e alguns mesmo são difundidos em tempo real. Documentos académicos, publicações e fotografias estão disponíveis com o mero toque de uma tecla. Esta acrescida popularidade ultrapassa em muito as nossas projecções mais optimistas e oferece inúmeras possibilidades de estabelecimento de parcerias internacionais para trabalhar em conjunto com o objectivo da compreensão mútua entre os povos através da Marioneta.

A Marioneta desenvolveu-se praticamente em todas as regiões do globo. Centenas de horas de documentação estão disponíveis na internet e tornam acessíveis numerosas formas tradicionais. A UNESCO reconheceu doze delas como representativas do Património Cultural Imaterial da Humanidade. Informações, diapositivos e sequências de vídeo podem ser consultadas no seu website. Pelo menos onze tradições adicionais envolvendo marionetas

podem ser vistas na base de dados do Centro Cultural Asia-Pacífico. Esperemos que os visitantes sejam aliciados para explorar a complexidade dos espectáculos e a profundidade das suas raízes comuns. Nós podemos utilizar a marioneta tradicional para revelar a humanidade em comum subjacente às nossas diferenças culturais.

Uma das características da arte tradicional é a mudança que a que está sujeita inevitavelmente: a documentação adquire, portanto, um importante papel. Na sequência de quase quarenta anos de dedicação de centenas de entusiastas da marioneta, a UNIMA vai colocar on-line, no seu website, uma versão actualizada em três línguas, inglês, espanhol e francês, da Encylopédie Mondiale des Arts de la Marionnette, obra publicada em 2009. Ela coloca ao alcance da mão a história da Marioneta. Constitui uma ferramenta essencial para os numerosos museus no mundo que adquiriram colecções de marionetas bem como para aqueles se se consagram exclusivamente a esta forma de Arte. As suas colecções e catálogos podem ser encontradas online. Alguns permitem experienciar imagens em 3D e a reprodução para fins educativos. Facilitada pela comunicação através da Internet, a preservação da história contribui para o desenvolvimento do Futuro.

Centenas de marionetistas contemporâneos em todo o mundo apresentam extractos das suas performances ao vivo na internet para atrair públicos e programadores. A UNIMA apoia espectáculos, festivais, conferências e publicações através do seu Website. Tal como o pequeno grupo fundador o fez, os membros actuais da UNIMA, representando mais de noventa países, cooperam entre si independentemente das suas diferenças.
O crescimento exponencial da exposição mediática aumenta notoriamente a nossa responsabilidade perante os nossos públicos e cada um de nós mesmos.
Festejemos, pois, em conjunto e enquanto amigos que partilham a mesma paixão por esta forma de Arte, o Dia Mundial da Marioneta, nomeadamente multiplicando esta comemoração através da Internet que verdadeiramente nos une!


Referências:

Base de dados Ásia-Pacífico: www.accu.or.jp/ich/en/arts/arts1.html

Base de dados PCI/UNESCO: www.unesco.org/culture/ich/index.php?pg=00011

EMAM: ver Encyclopédie Mondiale des Arts de la Marionnette: www.unima.org


Legenda da foto: Nancy Lohman Staub junto à entrada do Center for Puppetry Arts
Atlanta, Géorgie. Foto: Susan Kinney


NOTA BIOGRÁFICA:
Nancy Lohman Staub, nasceu em Nova Orleães, Luisiana, Estados Unidos.


Foi uma das redactoras-chefe da EMAM, Enciclopédia Mundial das Artes da Marioneta (Encyclopédie Mondiale des Arts de la Marionnette / World Encyclopedia of Puppetry Arts), continuando a ser conselheira científica.
Pertenceu ao Comité Executivo da UNIMA enquanto Vice-Presidente e foi membro das Comissões de Publicações, de Investigação Científica e de Património; hoje em dia faz parte da Comissão de Justiça Social.
Ela dirigiu o Festival Mundial de Marionetas em 1980 e o XIII Congresso da UNIMA realizado no Centro John F. Kennedy para as Artes Performativas em Washington.
Foi consultora para a criação da Fundação Jim Henson, em Nova Iorque, direcionada para o apoio ao desenvolvimento da Marioneta na América.
Foi presidente da Pupeteers Of América e Vice-Presidente da Unima-EUA.
Foi a fundadora e preside ao Comité Consultivo do Centre for Puppetry Arts Museum, em Atlanta, estado da Geórgia.
Publicou numerosos artigos e ensaios em catálogos de museus.
No passado, dirigiu, durante mais de dez anos, um pequeno teatro de marionetas em Nova Orleães.

fonte: UNIMA Portugal

EXPERI_MENTAIS - Cineteatro António Lamoso - 22 de Março - Marionetas da Feira

EXPERI_MENTAIS está quase aí!
Aproxima-se a estreia de 'Experi_mentais'.
No próximo dia 22 de Março colocarei em prática muita das minhas anotações que colecionei desde 2000.
Do papel para a tridimensionalidade, serão manipuladas formas, objectos e materiais. Até a própria banda sonora será construida no momento pelo instrumentista e um dos mentores da banda A Jigsaw de Coimbra, João Silva (Jorri).
Preciso da vossa critica. Venham, pois a estreia é mesmo isso.

Até breve 😄
Rui Sousa

Bilhetes à venda no Posto de Turismo, Cineteatro António Lamoso e BOL online.
Cineteatro António Lamoso - 22/03/2017 - 22.00h - 2,5€

No dia 21 de Março (Terça), pelas 18h30, assinala-se o Dia Mundial da Marioneta, no São Luiz Teatro Municipal, com a apresentação do programa do FIMFA Lx17 - Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas, que decorrerá de 11 a 28 de Maio.

No dia 21 de Março (Terça), pelas 18h30, assinala-se o Dia Mundial da Marioneta, no São Luiz Teatro Municipal, com a apresentação do programa do FIMFA Lx17 - Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas, que decorrerá de 11 a 28 de Maio.



Gostávamos muito de poder contar com a vossa presença!

São Luiz Teatro Municipal
- Jardim de Inverno
21 de Março (Terça) às 18h30
Entrada livre (sujeita à lotação da sala)


Brevemente 17.ª edição em:
www.fimfalx.blogspot.com
O que ainda pode ver antes do FIMFA Lx17
Sorry, Boys - Marta Cuscunà
SORRY, BOYS de Marta Cuscunà (Itália)

Diálogo sobre um pacto secreto para 12 cabeças cortadas
Livremente inspirado em eventos reais ocorridos em Gloucester, Massachusetts
Estreia Nacional
18 e 19 de Março de 2017
São Luiz Teatro Municipal - Sala Luís Miguel Cintra
Uma parceria entre o São Luiz Teatro Municipal e A Tarumba - Teatro de Marionetas
18 de Março (Sáb) às 21h | 19 de Março (Dom) às 17h30
Em italiano, legendado em português | Público-alvo: +14
€12 (com descontos €5 - €8,40) | Bilheteira online
★ 18 de Março: conversa com a equipa artística após o espectáculo

Mar Marionetas - Festival Internacional de Marionetas de Espinho 2017



toda a programação aqui http://www.cm-espinho.pt/mar_marionetas/

quinta-feira, fevereiro 09, 2017

Avenida Q - a versão portuguesa do musical da Broadway no Teatro da Trindade em Lisboa de 8/2 a 2/4

http://www.jn.pt/artes/videos/interior/avenida-q-um-musical-com-fantoches-para-maiores-de-16-5654252.html

SINOPSE
AVENIDA Q é o musical mais estúpido e genial de todos os tempos - uma Rua Sésamo em esteróides, que junta à estética Muppets uma linguagem tão adulta, que só funciona mesmo porque a vida é uma longa marcha de tédio em direção à campa. Ah, e porque as músicas são bestiais.

A história acompanha LUÍS, um recém-licenciado cheio de esperanças, PAULA (a porca), FÉLIX (o gay no armário) e TREKKIE (o tarado) entre outros. Juntos, tentam encontrar um propósito na vida e falam sobre os temas existenciais que nos afetam a todos, num espetáculo inovador que mudou a Broadway e apaixonou os espectadores.
FICHA ARTÍSTICA
Os gajos que originalmente tinham piada - Robert Lopez, Jeff Marx e Jeff Whitty
O tipo que vai plagiar a encenação original e ainda assim ficar com os créditos - Rui Melo
A assistente que nunca fez uma peça mas é namorada de um dos produtores - Íris Sobral
Os gajos que adaptaram as músicas e o texto e conseguiram pôr uma piada com o “Preço Certo" - Henrique Dias e Rui Melo
Como um CD mas mais caro - Artur Guimarães
O eletricista ou lá o que é - Paulo Sabino
O tipo que tinha vontade mas não tinha dinheiro - Gonçalo Castel-Branco
Os que vão à falência se isto der barraca - Força de Produção

Os actores possíveis com o nosso orçamento - Ana Cloe, Diogo Valsassina, Gabriela Barros, Inês Aires Pereira , Manuel Moreira, Rodrigo Saraiva, Rui Maria Pêgo, Samuel Alves, Artur Guimarães, Luís Neiva e André Galvão.

Construção das marionetas e apoio na manipulação pela companhia S.A.Marionetas